O Tricolor tem mente, uma reformulação em seu elenco para a temporada 2022. O clube sabe que não poderá fazer grandes contratações e Rogério Ceni já declarou que deve acionar as crias de Cotia para compor o elenco. Nas movimentações do São Paulo visando a próxima temporada, uma lista de baixas foi traçada, o primeiro a deixar o Morumbi, foi Rojas, entretanto, mais dois atletas estão na iminência de serem dispensados.

Segundo o jornalista Menon, colunista do Uol Esporte, o atacante Galeano e o zagueiro Rodrigo Freitas serão os próximos a deixar o Soberano. Galeano começou na base do Tricolor e brilhou no Sub-20, porém, não conseguiu repetir as boas atuações na equipe profissional, tendo um rendimento mediano. Para bancar a permanência do paraguaio, o São Paulo terá que desembolsar algo em torno dos 600 mil e 1 milhão de dólares, algo fora de cogitação no clube.

O caso de Rodrigo, outro jogador formado em Cotia, teve até um início de conversa para que seu contrato fosse renovado, porém, as tratativas fracassaram. O zagueiro retornou do Portimonense, clube português ao qual estava emprestado, mas não se firmou, tanto, que acabou como a quinta opção de escalação no elenco.

Outra provável baixa é Eder, o atacante está insatisfeito com o pouco espaço no time e segundo o jornalista Menon, pretende procurar um novo clube. Quanto a contratações, o São Paulo estuda trazer o zagueiro Marcelo Benevenuto.