Titular nesta rodada tripla de Eliminatórias da Copa do Mundo, por conta do corte de Casemiro por problemas dentários, Fabinho concedeu entrevista coletiva nesta quarta-feira (13). O jogador rebateu as críticas feitas para a Seleção e projetou o próximo confronto. 

Sobre as críticas para Seleção: "Dentro de campo nós temos uma visão diferente da que vocês têm. Contra a Colômbia, acredito que a Seleção jogou bem, principalmente no primeiro tempo. Conseguimos criar espaços, mas acabou que não aproveitamos. Não é fácil jogar em Barranquilla. Claro que queríamos a vitória, mas o empate não é um resultado ruim".



O atleta ainda enfatizou: "Somos a Seleção Brasileira, queremos sempre melhorar, jogar bem, vencer e convencer. É sempre pensando em evoluir, jogar bem. Queremos não só vencer, mas mostrar porque vencemos os jogos", completou.

Sobre comparações com seleções europeias: "Pensar assim, num confronto contra seleção europeia, é até um pouco difícil. Na América do Sul são outros adversários e temos que focar nesses jogos. A seleção vem numa sequência muito boa, jogadores novos podem chegar e agregar, casos do Antony e do Raphinha. A nossa ideia de jogar é sempre a mesma, o pessoal que está aqui há muito tempo conhece bem. Nós não podemos focar só em resultados, mas os resultados mostram que isso (o trabalho) vem dando certo. Nem sempre vamos jogar bem, mas maioria das vezes conseguimos impor o jogo, o que é pedido pelo nosso treinador", disse.


Para fechar, o volante projetou o próximo duelo, contra o Uruguai, nesta quinta-feira (14): "Contra a Venezuela não aproveitamos o espaço que tivemos. Contra Colômbia, nos movimentamos melhor, achamos espaço na defesa adversária. A partida contra o Uruguai, temos de buscar nossa vitória apresentar o bom futebol e vamos fazer isso em Manaus, com apoio da nossa torcida", disse.