O São Paulo entra em campo logo mais, às 19h (horário de Brasília), para enfrentar o Ceará, no Estádio do Morumbi, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A. A equipe está sob um novo comando, visto que na última quarta-feira (13), Hernán Crespo deixou de ser técnico do clube. 

Agora, cabe a Rogério Ceni a missão de afastar totalmente os riscos de rebaixamento da equipe tricolor. Além disso, o ex-goleiro chegou com a obrigação, da diretoria, de conseguir conquistar uma vaga para a próxima edição da Copa Libertadores da América, em 2022. 

O São Paulo tem uma série de desfalques para esse confronto: Arboleda (seleção do Equador); Luan (dores na coxa esquerda), Rigoni (estiramento na coxa esquerda), Galeano (trauma no tornozelo direito), William (artroscopia no joelho direito) e Igor Vinicius (trauma no olho esquerdo). Além disso, Welington, Rodrigo Nestor, Luan, Gabriel Sara, Luciano, Marquinhos, Rigoni e Miranda estão pendurados. 

No mesmo dia que foi anunciado, Rogério treinou a equipe e esboçou diversas mudanças e mudou o esquema tático. Mesmo ainda a ver a distribuição dentro de campo, o time deve se comportar em um 4-4-2 clássico, com Luciano e Calleri comandando as ações ofensivas. 

Igor Gomes, que atuou nas duas últimas partidas como lateral-direito, deve retornar para o meio-campo. Dessa maneira, Ceni escalou para a sua estreia, um time formado com: Tiago Volpi; Orejuela, Miranda, Léo e Reinaldo; Liziero, Igor Gomes, Gabriel Sara e Martín Benítez; Luciano e Jonathan Calleri.