arrow_drop_down
search
Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro/Divulgação

Futebol Cruzeiro

Cruzeiro não confirma medalhões e irá reavaliar permanências de Léo e Henrique; afastados entram em pauta

O Cabuloso aguarda o encerramento da atual temporada para definir seu grupo visando as competições válidas por 2021

Bolavip

Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro/Divulgação

Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro/Divulgação

O Cruzeiro se distanciou do G-4 do Campeonato Brasileiro e deve permanecer mais um ano na Série B em 2021. Nos bastidores, o técnico Luiz Felipe Scolari já cobra um planejamento bem melhor do que aconteceu no último ano e visa a chegada de reforços. Tanto o comandante quanto o presidente Sérgio Rodrigues indicam que até cinco nomes podem desembarcar na Toca da Raposa.

A missão de comandar as investidas no mercado da bola estão a cargo de André Mazzuco. O novo diretor de futebol, além disso, terá que definir outras questões envolvendo o elenco para a próxima temporada. Depois de estabelecer um teto salarial para 2020, o Cabuloso terá que reavaliar uma série de situações, dentre elas as de alguns medalhões do grupo.

"Vai ser feita a avaliação. Jogadores como Léo, Henrique e o próprio Fábio, que renovou agora, carecem de uma avaliação, de entender a realidade do Cruzeiro, o que pode ser importante para o clube e, a partir daí, a gente formatar uma ideia dentro da situação. Mas não temos uma resposta para agora, porque as coisas estão acontecendo", disse Mazzuco ao Globoesporte.com.

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro/Divulgação
Fábio: renovou até o fim do ano (Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro/Divulgação)

O zagueiro tem contrato até o fim de 2022, enquanto vínculo do volante vai até dezembro de 2021. "Não só o Léo e o Henrique, que são jogadores que têm uma história no clube, que são experientes, que nós, profissionais do futebol, acompanhamos muito, mas a partir do momento em que se encerra esse ciclo a gente precisa pensar em uma nova temporada e entender o contexto que vai ser mais adequado para o que a gente quer", adicionou.

Jogadores que estão afastados, como Giovanni PalmieriDaniel Guedes e Zé Eduardo, também terão futuros debatidos. "Todos os atletas, hoje, fazem parte do elenco do Cruzeiro, jogando ou não, sendo relacionado ou não. Mas todos os casos nós vamos ter que resolver de alguma forma, seja na reintegração do atleta, na busca por novos, em um acordo, enfim (...) Vamos começar nos próximos dias a discutir esse plano de ações para ver aqueles que vão continuar conosco e aqueles que a gente pode dar um encaminhamento", completou Mazzuco. 

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.