Diretoria do Palmeiras bate o martelo sobre retorno aos treinamentos

Futebol: Mais notícias

Futebol Palmeiras

Diretoria do Palmeiras toma decisão final sobre retorno aos treinamentos; Galiotte define estratégia

A direção do Palmeiras segue estudando um possível retorno dos treinamentos em meio à pandemia da Covid-19; clube aguarda posicionamento de autoridades 

Bolavip

Diretoria do Palmeiras bate o martelo sobre retorno aos treinamentos

Diretoria do Palmeiras bate o martelo sobre retorno aos treinamentos

A pandemia da Covid-19 mudou completamente os planejamentos dos clubes brasileiros. Sem previsão para um possível retorno, os clubes também estudam maneiras de aliviar os cofres em meio à crise financeira gerada pelo vírus. Mesmo tendo comprado os testes da Covid-19 para o elenco, a direção do Palmeiras segue cautelosa com relação ao retorno dos treinamentos. 

O clube segue com a postura de só programar a volta dos treinos presencias após o aval das autoridades de saúde e do governo federal. Enquanto os treinos com bola não voltam, os jogadores seguem a rotina de treinos em casa, três vezes por semana, supervisionados pela comissão técnica.

Luxemburgo chegou ao Palmeiras no ínicio de 2020. Foto: Cesar Greco/Palmeiras

A decisão foi tomada pelo presidente Maurício Galiotte e seguirá valendo independente de outras equipes iniciarem o processo de retorno, como no caso do Flamengo. A diretoria pretende realizar os testes somente quando houver uma liberação oficial para o retorno das atividades.

 

Além dos treinos online, o elenco também mantém contato com o treinador Vanderlei Luxemburgo, que tem feito algumas reuniões virtuais com os atletas. Mesmo com todos os cuidados e restrições, a diretoria alviverde segue pesquisando algumas informações de medidas tomadas com equipes que retornaram aos trabalhos.

A única opção do Palmeiras é esperar o posicionamento oficial das autoridades sobre um possível retorno. Enquanto isso, o Verdão continua seguindo as orientações de especialistas ligados à Federação Paulista de Futebol e à Confederação Brasileira de Futebol.

Temas:

Leia também




Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.