Com o término da primeira fase do Mundial de vôlei masculino nesta quarta-feira (31), o Brasil conheceu o seu adversário nas oitavas de final. O time de Renan Dal Zotto irá encarar o Irã na estreia da fase eliminatória da competição. Em jogo único, o confronto está previsto para ocorrer na próxima terça-feira (6) na cidade de Gliwice, na Polônia. 

Na primeira fase, o time brasileiro terminou com a quarta melhor campanha entre os 24 países. No entanto, como Eslovênia é uma das sedes do Mundial, acabou sendo alçada à 2ª posição, ultrapassando os comandados de Renan. Polônia, outro país-sede, conquistou a melhor campanha. Itália (3ª) e Sérvia (4ª) completaram os cinco primeiros. No cruzamento, o Irã, que fechou na 12ª colocação, cruzou com o Brasil (5º). Quem ganhar, enfrenta o vencedor de Sérvia e Argentina nas quartas
 
Na primeira fase, o Brasil terminou invicto e bateu Cuba, Japão e Catar em sequência pelo grupo B. Na campanha, o momento mais tenso se deu na estreia contra os cubanos, quando os brasileiros perderam os dois primeiros sets para completar uma virada suada no tiebreak. Depois, impôs a sua superioridade e não cedeu sets às duas Seleções asiáticas
 
Já o Irã conseguiu estar na 2ª posição do grupo F, que também tinha Holanda, Argentina e Egito. Inclusive, os iranianos bateram os argentinos em cinco sets, resultado crucial para estarem à frente dos hermanos na classificação. A Holanda ganhou os três jogos e encerrou na primeira posição. Além de Brasil e Irã, confira todos os confrontos das oitavas de final do Mundial de vôlei masculino: 
 
Polônia x Tunísia
Estados Unidos x Turquia
Sérvia x Argentina
Brasil x Irã
Eslovênia x Alemanha
Holanda x Ucrânia
Itália x Cuba
França x Japão