O Brasil entra em campo nesta sexta (30), contra o Canadá, pelas quartas de final do futebol feminino nas Olimpíadas de Tóquio, às 5h00, no Estádio de Miyagi. Porém, a Seleção feminina não contará com a defensora Poliana, que sofreu uma concussão no último jogo, com a Zâmbia, e apesar de ela estar se sentindo bem, segue recomendações médicas para repousar até se recuperar completamente.

 

 

 

A zagueira foi substituída por Bruna Benites durante a partida contra a Zâmbia (na última etapa da fase de grupos), logo após ter recebido atendimento médico em campo, e conforme informações divulgadas pelo Globo Esporte, a jogadora está bem, mas ainda deve passar por uma ressonância magnética e vai repousar para se recuperar 100%.

 

 

 

Com a sua substituição durante a partida, o Brasil foi a primeira equipe a fazer uso da nova regra da Fifa, que permite uma troca extra devido a choques de cabeça ou lesão sofrida durante o jogo. Com essa nova medida, portanto, é possível fazer uma sexta substituição durante os duelos.

 

 

 

 

No treino realizado hoje com a Seleção, em Sendai, pré-duelo com o Canadá, ela não participou e foi vetada para a partida – que será nesta sexta (30), às 5h00, no Estádio de Miyagi.

 

 

 

Nas redes sociais, Poliana tranquilizou a torcida e convidou a todos para torcer pelo time no duelo desta sexta. “Fala, galera! Passando para agradecer a todos pela torcida de vocês! Também quero dizer que estou bem, foi apenas um susto. Muito obrigada pelas mensagens de carinho! Conseguimos o objetivo e agora é pensar no próximo jogo”.