Em 1ª entrevista na quarentena, Renato deixa escapar decisão radical no Grêmio

Futebol: Mais notícias

Futebol Grêmio

Em 1ª entrevista na quarentena, Renato deixa escapar decisão radical no Grêmio: "Vamos ter que fazer"

Em entrevista há pouco ao site da GaúchaZH - a primeira após a pandemia da Covid-19 -, Portaluppi abriu o jogo sobre o planejamento do Imortal para a sequência do ano. Com a paralisação forçada, clube terá que se adequar à nova realidade e os jogadores devem esperar por mudanças drásticas no CT Luiz Carvalho

Bolavip

Em 1ª entrevista na quarentena, Renato deixa escapar decisão radical no Grêmio

Em 1ª entrevista na quarentena, Renato deixa escapar decisão radical no Grêmio

Com a ordem de ficarem em casa pela pandemia do coronavírus, os jogadores dos clubes brasileiros vão se virando como podem para manter a forma física. A CBF ainda não divulgou comunicado informando sobre quando o futebol no país irá retornar à normalidade, mas a tendência é que os jogos só sejam disputados novamente em maio. Até lá, os médicos e preparadores físicos das agremiações vão cobrando os elencos a seguirem a cartilha de exercícios em suas residências.

No Grêmio, os jogadores vêm compartilhando nas suas redes sociais o andamento dos exercícios e até interagindo com os seguidores. Mas quanto a Renato Portaluppi, as críticas não o deixaram em paz na semana passada ao ser flagrado jogando futevolêi numa praia do Rio de Janeiro em meio aos avisos do Governo para a população permanecer confinada neste momento. 

Renato Portaluppi crê que o Grêmio precisará de nova pré-temporada antes do retorno às competições. Foto: Getty Images

O presidente Romildo Bolzan Jr. chegou a ser questionado em programa dos canais Fox Sports pela atitude controversa do comandante. "Não sou monitor de escola", respondeu o cartola, indicando que não manda na vida de Renato fora dos âmbitos do clube. Há pouco, o treinador se manifestou pela primeira vez nessa quarentena e fez uma avaliação do que espera acontecer com seu plantel após o retorno dos campeonatos no Brasil

Em contato com o site GaúchaZH, Renato citou a perda física e acredita na necessidade de uma nova pré-temporada. "Vamos ter que fazer (pré-temporada). Não tem outro jeito. Por mais que os jogadores estejam se cuidando e fazendo algum tipo de atividade, sempre tem perda física. Mas o momento não é de pensar nisso. Precisamos cuidar da saúde em primeiro lugar", declarou o treinador, via assessoria de imprensa. 

 

O coronavírus já chegou ao Grêmio e o próprio Romildo contraiu a Covid-19, além de mais três membros do Imortal. O Campeonato Gaúcho está suspenso até o dia 31 de março e reunião na próxima sexta-feira (27) vai discutir o futuro da competição. Já a Libertadores tem retorno previsto para 5 de maio.

Temas:

Leia também




Comentários

Calendario Partidos

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.