arrow_drop_down
search
Corinthians dá ultimato ao Dinamo por Sidcley e tem 'plano B' no radar

Futebol Corinthians

Andrés Sanchez sobe o tom e dá ultimato ao Dinamo por Sidcley; Timão tem 'plano B' no radar

O Corinthians está no mercado em busca de reforços para 2020 e tem como uma das prioridades a chegada de um novo lateral-esquerdo

Bolavip

Corinthians dá ultimato ao Dinamo por Sidcley e tem 'plano B' no radar

Corinthians dá ultimato ao Dinamo por Sidcley e tem 'plano B' no radar

O Corinthians conheceu na noite de ontem (17) o seu destino na Copa Libertadores da América de 2020. Caso tenha sucesso e avance pela duas fases pré, o Timão irá para o grupo B, no qual está o rival Palmeiras. Com o futuro traçado, a diretoria acelera o planejamento em busca dos reforços pedidos pelo técnico Tiago Nunes, que assumirá o comando do time em janeiro e já trabalha nos bastidores.

Divulgação/Dinamo de Kiev

A diretoria tem em mãos uma lista de alvos com mais de 17 nomes passada pelo comandante e corre atrás dos nomes pedidos. Uma das exigências é a chegada de um novo lateral-esquerdo e o principal alvo no mercado é um velho conhecido da torcida. Atualmente no Dinamo de Kiev, Sidcley está na mira, mas o Corinthians não topa pagar o alto valor que vem sendo pedido.

 

O presidente Andrés Sanchez deu um ultimato aos ucranianos e cravou o prazo para receber uma resposta. "Nós fizemos uma proposta pelo Sidcley e temos que aguardar. O time de lá está aguardando a janela, nós demos um prazo até 10, 12 de janeiro. Depois disso, nós vamos para a segunda opção. Mas, a princípio, a gente ainda está insistindo e queremos o Sidcley. Agora, não é justo a gente tentar pagar pelo empréstimo, porque ele vai ficar um ano e vai embora. E não acreditamos que o investimento que estão pedindo por ele, 5, 6 milhões de euros, também achamos que não vale a pena pagar por isso", afirmou.

O 'plano B' do Corinthians no mercado da bola, segundo relatou o site UOL Esporte, é Dodô, que em 2019 acabou rebaixado com o Cruzeiro para a Série B do Brasileirão. O lateral-esquerdo pertence a Sampdoria, da Itália, e já foi emprestado duas vezes ao futebol brasileiro - antes do time mineiro, vestiu as cores do Santos. O ponto positivo seria que os italianos não costumam fazer exigências fora da realidade do país.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.