Se por um lado o São Paulo tem se reforçado para a sequência nas competições da temporada, de outro, tem enfrentado alguns entraves para renovar com um dos atletas mais utilizados por Rogério Ceni: o meia Igor Gomes. Com vínculo até março de 2023, o jogador, revelado pelas categorias de base de Cotia, vive um momento de incerteza junto ao Clube. 

Isso porque o camisa 26 e o São Paulo ainda não chegaram a um acordo sobre a renovação, uma vez que o meia recusou a primeira proposta feita pelo Tricolor e pede por uma valorização salarial. Apesar de continuar conversando com a diretoria do Clube, Igor Gomes vê a possibilidade de deixar a equipe rumo ao Rio de Janeiro, para vestir a camisa do Botafogo, que sonda o atleta desde o início de 2022.

O Alvinegro, por sua vez, se mantém de olho no avanço - ou na falta dele - nas negociações com os paulistas e pretende direcionar uma proposta diretamente ao meio-campista, visando um pré-contrato. O clube carioca gosta de Igor Gomes e entende que o jogador agregaria no setor de criação da equipe.

No entanto, por questões de respeito ao Tricolor, o Botafogo segue apenas monitorando a situação contratual de Igor Gomes e espera fazer uma proposta oficial apenas quando a decisão pelo destino do meia for tomada nos bastidores do São Paulo. Com 41 jogos na temporada, a cria de Cotia é titular absoluto da equipe de Ceni desde seu retorno ao Clube onde é ídolo, em outubro de 2021.