arrow_drop_down
search
Tricolor diante da Universidad Católica, em partida pela Copa Sul-Americana de 2013 (Foto: Mauro Horita/AGIF)

Notícias São Paulo

São Paulo nunca perdeu para os dois possíveis adversários em competições internacionais; veja

Tricolor eliminou o Racing nas oitavas de final da Copa Libertadores, tendo pela frente o vencedor do confronto entre Palmeiras e Universidad Católica.

Bolavip

Tricolor diante da Universidad Católica, em partida pela Copa Sul-Americana de 2013 (Foto: Mauro Horita/AGIF)

Tricolor diante da Universidad Católica, em partida pela Copa Sul-Americana de 2013 (Foto: Mauro Horita/AGIF)

Depois de vencer o Racing por 3 a 1 na noite de ontem, o São Paulo fica apenas no aguardo do adversário que vai enfrentar nas quartas de final da Copa Libertadores. Na noite desta quarta-feira (21), Palmeiras e Universidad Católica se enfrentam no Allianz Parque às 19h15 (horário de Brasília). No Chile, o Verdão venceu por 1 a 0, estando em vantagem.

Ambos os possíveis adversários do São Paulo são considerados velhos “fregueses” em competições internacionais. Diante do Palmeiras, a equipe do Morumbi não perdeu em toda a história da Copa Libertadores, tendo o deixado para trás nas edições de 1974, 1994, 2005 e 2006: em oito jogos são seis vitórias e dois empates.

Na campanha do tricampeonato da América em 2005, o Tricolor enfrentou a equipe alviverde justamente nas quartas de final. No antigo Parque Antártica, vitória por 1 a 0, com gol de Cicinho em um chute de fora da área. O lateral-direito voltaria a balançar as redes no Morumbi, na vitória por 2 a 0 em que Rogério Ceni também marcou.

Já diante da Universidad Católica, a freguesia é maior: são oito encontros da equipe chilena diante do São Paulo, em três competições diferentes. O principal embate entre ambos foi na final da Copa Libertadores de 1993. O Tricolor venceu por 5 a 1 no Morumbi. A derrota por 2 a 0 no Chile foi suficiente para ficar com a taça.

Além da Copa Mercosul de 1999, na qual o São Paulo venceu duas vezes na fase de grupos, as equipes estiveram frente a frente nas Copas Sul-Americanas de 2012 e 2013. Na primeira, o Tricolor superou os chilenos pelo critério do gol qualificado, e sagrou-se campeão diante do Tigre na sequência.

Temas:

Leia também


Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.