O Real Madrid se sagrou Campeão Espanhol da temporada 2021/2022, na tarde deste sábado, após golear o Espanyol por 4 a 0, no estádio Santiago Bernabéu. Rodrygo foi o destaque da partida ao marcar os dois primeiros gols. Asensio ampliou. E Vinícius Jr também apareceu, dando a assistência para Benzema ir às redes e fechar a conta.

Mas, apesar do brilho dos atacantes, o destaque ficou por conta de outro brasileiro: Marcelo. Com ampla vantagem de pontos na tabela, o Real foi a campo com time misto. E o  lateral-esquerdo consagrado no Clube, que hoje é reserva, foi escalado entre os titulares e atuou durante os 90 minutos. Após o apito final, ele se tornou o primeiro capitão estrangeiro a levantar a Taça do Espanhol.

Esse foi o 35° troféu erguido pelos merengues na competição nacional. Capitão no compromisso que marcou a conquista, Marcelo chegou ao seu 24° título pelo Real Madrid e passou a ser o jogador mais vezes campeão pelo Clube. "É uma alegria imensa. Conseguimos ganhar a Liga o mais cedo possível. É um trabalho de equipe. Estou muito contente. Agora é seguir porque a temporada não acabou", comentou o lateral.

Somente o Espanhol, o defensor venceu em seis oportunidades. Vendeu também quatro Ligas dos Campeões e quatro Mundiais de Clubes, três Supercopas da UEFA, cinco Supercopas da Espanha e duas Copas do Rei. Aos 33 anos, o jogador encerra seu vínculo com o Real em junho, e deve também se despedir do time de Madrid após 16 temporadas.