arrow_drop_down
search
Meio-campista fecha o ano em alta no Athletico-PR e quer renovar seu contrato

Futebol Athletico-PR

Meio-campista fecha o ano em alta no Athletico-PR e quer renovar seu contrato

Após ser contratado sob desconfiança, o jogador ganhou moral no clube e termina a temporada de 2019 em alta, já planejando o próximo ano, almejando uma renovação de contrato

Bolavip

Meio-campista fecha o ano em alta no Athletico-PR e quer renovar seu contrato

Meio-campista fecha o ano em alta no Athletico-PR e quer renovar seu contrato

O Athetico-PR vive bom momento na reta final de 2019 e encaminha uma reta final de temporada em alta, já iniciando o planejando de 2020. Acumulando 11 jogos sem perder, o Furacão busca encerrar o Campeonato Brasileiro no G4, mesmo já estando garantido na próxima edição da Copa Libertadores da América. A fase positiva leva a um dos nomes que está em alta sonhar com a permanência no clube.

Contratado sob desconfiança de grande parte da torcida, Wellington se firmou no Athletico-PR e assumiu a titularidade, vestindo a braçadeira de capitão em muitos momentos. O meio-campista, atualmente com 28 anos, chegou ao Furacão no ano passado, após passagem pelo Vasco. Ao todo, soma 73 atuações e um gol marcado. Neste ano, esteve em campo 43 vezes, sendo 40 delas como titular.

 

Ainda com vínculo válido por mais uma temporada, até dezembro de 2020, o camisa 5 sonha em renovar para seguir deixando seu nome marcado na Arena da Baixada. "Tenho contrato com o Athletico, mas nada definido. O futebol é dinâmico, você nunca sabe o que pode acontecer. Só sei que tenho que me apresentar no dia 6 de janeiro. Mas quero ficar, quero estender meu vínculo se possível e continuar fazendo história", disse o volante, em entrevista ao site Globoesporte.com.

Depois de passagens por outros grandes clubes, como São Paulo, Internacional e Vasco, Wellington encontrou seu bom futebol no Athletico-PR e deu a volta por cima na carreira. Na conquista da Copa do Brasil, justamente sobre o Colorado, ele ergueu a taça ao lado de Lucho González, Camacho e Thiago Heleno. Nesta quarta-feira (4), ele estará em campo na despedida do Furacão da Arena da Baixada na temporada, contra o Santos.

"Eu cheguei desacreditado por muitos, mas eu sabia que ia dar certo, senão não tinha aceitado o desafio. O time tinha nove pontos, tinha sido eliminado na Copa do Brasil, terminamos em sétimo e conseguimos a Sul-Americana. Esse ano, nem se fala, foram quatro finais e três títulos. Estou muito feliz", completou Wellington.

Temas:

  • Furacão
  • Athletico
  • Wellington

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.