Na última terça-feira (22), a Dinamarca estreou na Copa do Mundo do Qatar contra a Tunísia, em partida válida pelo Grupo D. Os dinamarqueses decepcionaram os torcedores e ficaram apenas no empate em 0 x 0. Colocada como possível surpresa do torneio, a Seleção Dinamarquesa não conseguiu apresentar um grande futebol.

Além do desempenho abaixo do esperado, a Dinamarca ainda teve uma baixa importante na partida. Afinal, o meia titular Delaney deixou o confronto ainda na etapa inicial sentindo dores, após o duelo o volante foi diagnosticado com lesão no joelho e foi cortado da Copa do Mundo. O técnico Kasper Hjulmand falou sobre a ausência do atleta: "Sentiremos sua falta, dentro e fora de campo. Outros jogadores estão prontos e temos um elenco forte para as próximas partidas", afirmou o comandante.

O meio-campista é um dos pilares da equipe dinamarquesa, que chegou na Copa do Mundo do Qatar, em grande fase, depois dos grandes desempenhos na Eurocopa e nas Eliminatórias. Ao lado de Eriksen, o jogador era fundamental na criação da Dinamarca. Com sua saída, o jovem Mikkel Damsgaard, de apenas 22 anos, deve herdar a posição.

Sobretudo, o volante já deixou a concentração da Seleção Dinamarquesa e já voltou para sua casa, onde vai focar na sua recuperação, o jogador deve ficar cinco semanas longe dos gramados. A Dinamarca ainda tem dois jogos na fase de grupos contra França e Austrália, então, como ficou apenas no empate na estreia precisa pontuar para conseguir a vaga nas oitavas de final. Aliás, a equipe volta a campo neste sábado (26), contra os franceses.

Quem irá ao mata-mata? E quem levantará a taça? Dê seus palpites com este simulador da Copa do Mundo do Qatar 2022.


Baixe o aplicativo Bolavip e acompanhe em tempo real todas as informações sobre a Copa do Mundo Catar 2022 �� https://bit.ly/BV-app22.