arrow_drop_down
search
Pedro Souza/Atlético

Futebol Atlético-MG

Dodô amarga estiramento e jogos contra o Boca podem fazer Arana perder Olimpíada; Atlético considera "peitar" CBF por convocação

Arana foi chamado por André Jardine para defender a seleção canarinho rumo ao bi olímpico, mas lesão de Dodô pode "estragar" planos e gerar conflito do Galo com a entidade

Bolavip

Pedro Souza/Atlético

Pedro Souza/Atlético

Nesta quinta-feira (17), o técnico André Jardine anunciou os 23 convocados da Seleção Brasileira para os Jogos Olímpicos de Tóquio. O lateral-esquerdo Guilherme Arana, do Atlético, foi confirmado como único da posição e ganhou elogios do comandante. "Ele vive uma fase espetacular. Tem nos enchido os olhos, tanto no clube quanto aqui com a gente", analisa o treinador.

Após ficar uma semana em treinos no CT do Palmeiras, a Seleção viaja no dia 8 de julho para o Catar. Seis dias depois, segue para Tóquio. A disputa da Olimpíada vai ocorrer de 22 de julho a 8 de agosto. Se o Atlético liberar o jogador, Arana desfalcará a equipe em 7 jogos.

Nesse contexto, Arana ficaria de fora das duas partidas contra o Boca Juniors, pelas oitavas de final da Libertadores. Ele também desfalcaria o Galo entre a 11ª e 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Assim, ele perderia as partidas contra América, Corinthians, Bahia, Athletico-PR e Juventude.

Arana, lateral do Atlético, durante treino da seleção brasileira (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

O jogador poderá defender o Atlético no jogo contra o Flamengo, no dia 8 de agosto. Isso porque os atletas que atuam no Brasil vão viajar após a disputa dos jogos da 10ª rodada. O problema é que, sem Arana, o reserva imediato é Dodô, que está com estiramento muscular, segundo informações do colega Marco Geves, setorista no canal BicaGalo.

Dodô entrou aos 10 minutos do segundo tempo na vitória por 1 a 0 contra o Internacional, na última quarta-feira (16), e precisou deixar o gramado 16 minutos depois com dores na região. A depender do estiramento, em caso de grau 2 ou 3, a recuperação tende a ser mais lenta, o que pode prejudicar Cuca sem dois alas pelo lado. 

Mas o Atlético pode ir contra a CBF e vetar Arana na Olimpíada neste caso? Procurado pela reportagem do Superesportes MG, o diretor de futebol Rodrigo Caetano disse que ‘nada foi decidido ainda’. 

Arana é titular absoluto com Cuca e foi elogiado por Jardine "pelo acréscimo ofensivo tenha sido a grande novidade dele no último Campeonato Brasileiro, marcando gols, dando assistências, inclusive fez um golaço na nossa última convocação". Na atual temporada, o camisa 6 do Atlético disputou 16 jogos e marcou três gols. 

A chance de ausência de Arana nos jogos contra o Boca pela Libertadores já chegou à Argentina. O portal TyC Sports crê que os xeneizes podem levar vantagem pelo provável desfalque de Cuca. 

Temas:

Leia também


Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.