O uruguaio Gabriel Neves chegou ao São Paulo no meio do ano passado depois de uma grande novela. Pedido pelo então técnico Hernán Crespo, o volante chegou a ter tudo acertado com o Tricolor Paulista, mas o Nacional-URU fez jogo duro e não quis liberar o atleta em janeiro de 2021. 

Mais tarde, após ser adquirido por um grupo de empresários e ter seu contrato com o clube uruguaio rescindido, o jogador chegou ao Clube rodeado de expectativas pela promessa de ser um grande atleta do futebol do país, com muita projeção, mas não conseguiu sequência. 

Nas últimas semanas, Neves ganhou a confiança de Rogério Ceni e tem atuado com mais frequência na equipe titular. Por conta disso, o treinador pediu para a diretoria do Clube não negociá-lo e ter a sua permanência garantida até o fim de seu contrato, que se encerra no fim deste ano. 

San Lorenzo, Independiente e Vélez Sarsfield procuraram informações do atleta nas últimas semanas, acenando com uma possibilidade de proposta, mas não passou disso. Com os desfalques e bons rendimentos do uruguaio, Gabriel Neves deve ser mantido no São Paulo.