Os comentários do presidente do Athletico-PR, Mario Celso Petraglia, repecurtiram entre várias torcidas do futebol brasileiro. E não foi diferente entre os santistas. Empolgado ao anunciar a contratação do volante Fernandinho, ex-Manchester City, o dirigente chegou ao dizer que "o Athletico passou o Santos de trator". 

 

Após o jornalista PVC e o apresentador Neto repercutirem os comentários do mandatário, Petraglia voltou a se manifestar por meio de uma carta. O presidente do Furacão concordou que o Santos tem uma história e tradição respeitáveis, mas ressaltou que o rei Pelé não atua mais. 

"O Santos Futebol Clube tem uma das histórias mais bonitas do futebol mundial. Mas Pelé não joga mais. O Petraglia também um dia sairá de cena, pois a única verdade certa é que um dia não estaremos mais aqui", escreveu. O dirigente também acredita que o modo como o Athletico-PR trabalha é exemplo para vários outros clubes, tanto nacional quanto internacionalmente.

"Por respeito ao futebol brasileiro, e por tudo aquilo que nós construímos no Furacão e que serve de modelo para muitos clubes no Brasil e no mundo, não posso deixar a sinceridade de lado. Neste caso, penso que, mais do que um insulto, foi uma contribuição", disse o presidente em outro trecho.