O Santos empatou em 1 a 1 na última quarta-feira (8), contra o Internacional em uma partida com muita polêmica. O Alvinegro Praiano teve um gol anulado, com o auxílio do VAR, que gerou muita reclamação da comissão técnica e da diretoria do Clube. Com o empate a equipe chegou aos 13 pontos e está na décima colocação do Campeonato Brasileiro.

 

Nas últimas cinco partidas disputadas pelo Peixe foram três empates e duas derrotas. De acordo com informações do jornalista André Hernan, a diretoria do clube paulista está preparando um documento onde terá todos os erros de arbitragem, de acordo como Santos, em partidas da equipe na tentativa que esses erros não se repitam.

“O Santos está preparando um documento minucioso que vai ser entregue a CBF com os erros de arbitragem. O Santos está bravo com a CBF. Uma série de erros de arbitragem, segundo o Santos, que vão ser colocados em um dossiê. Vai ter áudio de VAR, vai ter declarações da CBF, entrevistas dos jogadores falando sobre os erros. Tudo vai ser elaborado, está sendo montado porque a gota d’água foi o jogo contra o Internacional, com uma marcação de impedimento no gol do Santos causando muita reclamação”.

O comunicador ainda ressaltou que o executivo quer urgência para solucionar esse problema. “O Santos não vai nem conversas com a comissão de arbitragem. A ideia do clube é uma conversa com o presidente Edinaldo Rodrigues. O presidente Rueda, o Edu Dracena, eles querem entregar esse dossiê diretamente para o presidente da CBF. E é para já, não é aquela coisa de vamos agendar para a semana que vem, é resolver essa parada no final de semana. O Santos não quer mais ter erro contra o time para as rodadas a partir do final de semana, quer se posicionar e vai exigir que a arbitragem tenha um cuidado com o Santos a partir de vários erros”.