Pep Guardiola é um dos melhores, senão o melhor, técnicos do mundo. Multicampeão por onde passa, treina o Manchester City há várias temporadas. E, no comando dos azuis de Manchester, busca o inédito título da Uefa Champions League. A conquista, que bateu na trave na última temporada, seria o primeiro da história do City e o primeiro de Guardiola desde que saiu do Barcelona. 

Em entrevista coletiva, o treinador falou sobre o futuro na profissão. E revelou um desejo: quer treinar uma seleção em uma Copa do Mundo. "Adoraria, já disse que quando terminar aqui, gostaria de liderar uma equipe em uma Copa do Mundo. Mas não é fácil encontrá-lo. Há poucas vagas", disse o treinador se referindo às principais seleções do mundo que já têm treinadores consolidados no cargo. 

 

Ainda na entrevista, Guardiola disse que, em caso de não conseguir uma seleção para disputar uma Copa do Mundo, permanecerá treinando clubes europeus. "Gostaria, mas se não passar, vou treinar clubes, por isso não vai ser problema", afirmou o treinador. 

Questionado sobre o futuro no Manchester City, Guardiola comentou que deseja continuar e que o clube sempre será sua casa. "Na Inglaterra, estando aqui, penso que estarei sempre Manchester City e se eu tiver que voltar, seria para o City, se você me quiser. Eu não treinaria nenhum outro clube da Inglaterra além deste", afirmou Pep. 

Por fim, Guardiola disse que gosta da cidade de Manchester, mas deixou o futuro em aberto. "Quero estar aqui [em Manchester] o maior tempo possível, enquanto a minha energia e o meu amor estiverem aqui. Depois disso não sei o que vai acontecer", finalizou.