arrow_drop_down
search
Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia

Futebol Palmeiras

Palmeiras tem proposta recusada pelo diretor executivo Diego Cerri, do Bahia

Cerri agradeceu a proposta, mas prefirou dar continuidade ao seu trabalho no Bahia, onde está há quatro anos

Bolavip
BolaVip Brasil

Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia

Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia

Na noite desta terça-feira (10), a diretoria do Palmeiras informou que não está mais em negociações com o diretor executivo Diego Cerri, do Bahia. O clube Alviverde segue na procura de um profissional para ocupar o cargo que era de Alexandre Mattos, demitido após a derrota diante do Flamengo, no Allianz Parque

Cerri agradeceu pelo interesse do Palmeiras, mas decidiu seguir no Tricolor Baiano, onde já está por cerca de quatro anos. Outro que recusou o Palmeiras recentemente foi Rodrigo Caetano, que também optou por seguir seu trabalho no Internacional, vindo desde 2018. 

Atualmente, Cerri tem 44 anos e seu trabalho no Bahia tem tido sucesso, tendo em vista que assumiu a função quando a equipe estava na 13ª colocação da Série B e, hoje em dia, briga na elite do futebol brasileiro chegando até mesmo em competições continentais. 

Recentemente, em entrevista ao Esporte Interativo, o presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, disse que pretendia dar continuidade ao trabalho de seu diretor: "Queremos que o Diego permaneça, mas a decisão vai dele junto com o Palmeiras. Temos muita franqueza em nossa relação.", disse o mandatário. Com a indefinição do nome para ocupar o cargo de diretor-executivo, o Palmeiras seguirá sem técnico até que a vaga seja preenchida.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.