A Copa do Mundo no Catar foi decidida neste domingo (18), a Argentina se consagrou campeã em um jogo emocionante contra a França. A partida terminou em 3 a 3, com destaque para Mbappe que anotou um hat-trick e Lionel Messi que fez dois gols, nos pênaltis os 'hermanos' venceram por 4 a 2. A Seleção Brasileira era uma das favoritas, mas foi eliminada nas quartas pela Croácia.

Visionhaus/Getty Images - Emiliano Martinez um dos principais responsáveis pelo título da Argentina
Visionhaus/Getty Images - Emiliano Martinez um dos principais responsáveis pelo título da Argentina

 

 

A eliminação custou o cargo de Tite sob comando técnico do Brasil, entretanto as críticas à eliminação precoce em cima do treinador vão além das quatro linhas. Em declaração após a conquista do título, o goleiro argentino Emiliano Martinez, falou que sofreu muito nos três dias que antecederam a final, e conversou bastante com o psicólogo, algo que o ajudou bastante.

 

 

Algo que pode ter feito toda a diferença na hora da decisão, em termos comparativos a Seleção Brasileira, no dia 28 de novembro, demitiu seu profissional da psicologia, Tite se tornou o 'motivador' do elenco a partir desse momento. Frases motivacionais ao longo do CT onde os brasileiros estavam hospedados foram escritas a mando do ex-técnico.

 

 

Não é possível detalhar com clareza quanta diferença um psicólogo faz numa preparação de Copa do Mundo, porém em momentos de grande tensão como o dessa competição qualquer ajuda especializada é bem vinda. Não que seja esse o motivo de Rodrygo ter perdido o pênalti, porém se para um o profissional foi essencial, por que para outro não?