Com dois jogos no comando do Vasco, o técnico Maurício Souza tem duas vitórias e está na vice-liderança da Série B. O comandante tem um jogo mais propositivo, entretanto garante que não é seu principal objetivo a implementação de sua filosofia no elenco. Nesta quarta-feira (29), às 21h30, o Gigante da Colina tem um confronto diante do Novorizontino.

Mas, Maurício garante não se importar se a equipe fará próximo de suas convicções. “A cara do Maurício hoje, falo de coração aberto que não importa o time ter minha cara, importa a equipe atuar com responsabilidade e ganhar os três pontos. Mais importante que eu colocar minha cara na equipe é a gente fazer o Vasco subir de divisão”, destacou durante entrevista ao ‘GE’.

“Claro que quem me conhece sabe que eu gosto de um jogo apoiado, mais posicional, de elaboração de ataque, de bloco alto, de um time pressionante, mas isso está em segundo plano a partir do momento que eu encontro o grupo muito focado, defensivamente muito forte. Eu não tenho nenhum tipo de projeto pessoal aqui dentro, o que tenho é a ambição de fazer o Vasco voltar para a Primeira Divisão”, completou Maurício.

Com o discurso de ‘Vasco acima de qualquer vaidade’ o técnico conseguiu conquistar a torcida Cruzmaltina. Na estreia do comandante diante do Londrina, viralizou nas redes sociais um vídeo da família de Maurício comemorando a vitória da equipe fora de casa. As imagens pegaram os torcedores do Vasco de surpresa.

“Eu tenho uma família que desde sempre me apoiou, familiares que torcem pelo Vasco e que, principalmente, torcem pelo Maurício. É uma cena comum, aconteceu novamente contra o Operário, foi uma festa danada na casa da minha irmã, da minha prima, minha família está sempre em Vila Isabel e são tudo que tenho de mais importante na minha vida”.