Com a eminente saída do meia Paul Pogba, que está na reta final de seu contrato com o Manchester United e sem acordo para renovação para a próxima temporada, o jogador passou a ser sondado por diversos gigante europeus, entre eles Real Madrid, Barcelona e Manchester que também foi apontado como um provável destino para o atleta, mas a especulação foi descartada, devido a relação do jogador com o United.


Quem decidiu fazer o primeiro lance pelo jogador foi a Juventus que segundo o portal GOAL, teria oferecido três anos de contrato e um salário de 7,5 milhões (R$ 39,4 milhões) de euros por ano. A Velha Senhora é tida como o destino mais provável para o jogador, inclusive segundo o jornalista Rudy Galetti, o grande sonho de Pogba é retornar para a Juve, clube onde viveu o auge de sua carreira.


Porém, o clube de Turim tem um rival a altura na briga pelo craque francês. Segundo informações do jornalista Ekrem Konur, o PSG ofereceu um salário de 12 milhões de euros anuais para contar como jogador, quase o dobro do oferecido pela Velha Senhora. Pogba receberia 1 milhão de euros (R$ 5,19 milhões) mensais, se tornando o sétimo maior salário da Ligue 1 e do clube parisiense. O salário do jogador seria inferior apenas aos de Neymar, Messi, Mbappe, Marquinhos, Verratti e Hakimi.

De acordo com informações do Transfermarkt, na atual temporada, Pogba atuou em 27 partidas, marcou um gol e concedeu nove assistências. Ralf Rangnick, treinador interino dos Red Devils havia comentado a dificuldade de Pogba em ter atuações consistentes com a equipe. "Ele, assim como vários outros jogadores, tem sentido muitas dificuldades para apresentar exibições consistentes com o nível do Manchester United. Não estou falando desta temporada, ou das últimas semanas, é uma coisa que já vem de há alguns anos. É difícil explicar porquê.", na ocasião ele confirmou a saída do meia.