O craque Francesco Totti tem uma grande história de dedicação ao Roma, clube em que atuou por 25 anos, de 1992 a 2017, participando de 785 jogos de Totti pela equipe, marcando 307 gols e fazendo 186 assistências, de acordo com levantamento do Trivela. Durante os anos de entrega ao clube italiano, o jogador recebeu proposta para deixar os giallorrossi, mas o atacante abriu mão de todas elas. Todavia em entrevista ao jornal espanhol Sport, Totti admitiu que gostaria de ter recebido proposta do Barcelona.


“Não, honestamente, durante a minha carreira, nunca conversei com o Barcelona sobre uma transferência para a Catalunha”.  O jogador ainda admitiu que teria sido bom atuar no time catalão. “O Real Madrid, ao contrário, fez de tudo. Eu lamento muito porque o Barcelona é um grande time para se assistir e teria sido bom jogar lá. Em outro mundo, vamos ver se o Barcelona aparece”.


Totti confirmou que esteve próximo de assinar com o Real Madrid, mas garantiu que escolher o Roma foi sua melhor decisão. “É normal que quando você joga em certos times como a Roma, diferente do Real Madrid, você tem menos chance de ganhar uma Champions League. Mas a Roma é minha campeã”, disse o ex-jogador que não atoa é um dos grandes ídolos do Roma. No clube ele foi artilheiro da Serie A, campeão italiano em 2000/01, além de campeão da Copa da Itália duas vezes e também conquistou duas Supercopa da Itália.

Durante a entrevista ao Sport, o ex-jogador comentou ainda a recente contratação de Xavi para o comando técnico dos blaugranas e afirmou que o treinador poderá colocar o Barça de volta ao caminho das vitórias: “A situação é um pouco particular. Mesmo de fora, vimos o Barcelona ganhar todo jogo com diferença de três ou quatro gols [...] Agora, houve mudanças, houve uma revolução real. Não será fácil, mas eu tenho certeza que o clube voltará aos mais altos níveis. Se ele treinar como jogou, não acho que haverá muitos problemas. Nesse time, há grandes jogadores jovens, que terão futuro promissor”, analisou Totti.