Nesta semana, a CBF apresentou o regulamento para a Copa do Brasil desta temporada, porém, também já apresentou uma novidade para a competição de mata-mata da edição qeu será realizada em 2024. 

No documento, a entidade revela que a partir de 2024 irá extinguir as vagas para a competição via ranking nacional de clubes. Com isso, a CBF acabou fortalecendo as federações estaduais, já que a grande maioria dos times estão em competições locais, são 80 ao todo, de 92 equipes. 

Na edição da Copa do Brasil da próxima temporada, dez equipes conseguiram suas vagas via o ranking nacional de clubes, são elas: Santos, América-MG, Bahia, Ceará, Juventude, Chapecoense, Avaí, Vitória e Ponte Preta. Por conta de estarem empatados no ranking da entidade, Guarani e Criciúma participarão de um sorteio, com data ainda para ser divulgada.

Confira abaixo detalhes da classificação para a Copa do Brasil 2024?  

O que muda para 2024? 

Para definir as vagas que irão para os times na edição da Copa do Brasil em 2024, a CBF irá utilizar o ranking das federações. 

Quantas vagas cada federação terá direito? 

São Paulo e Rio de Janeiro: 6 vagas

Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná: 5 vagas

Ceará, Goiás, Santa Catarina, Bahia, Pernambuco, Alagoas, Mato Grosso, Pará e Maranhão, a três: 3 vagas

Demais estados: 2 vagas

Como funciona a divisão de vagas? 

Federações que tem direito a três vagas terão que obrigatoriamente dar para o campeão e vice de cada estadual, com a terceira sendo da escolha da entidade como vai usá-la. 

Já com federações que tem com cinco ou seis vagas, a obrigatoriedade da distribuição pelos campeonatos estaduais sobe para três.