arrow_drop_down
search
Atacante detalhou a situação em entrevista - Foto: Alexandre Vidal/CRF.

Futebol Flamengo

"Amassaram o carro de um jogador"; Gabigol se manifesta após protesto de torcedores do Fla no Ninho do Urubu

Situação ocorrida na reapresentação do elenco foi criticada pelo atacante, que revelou uma situação envolvendo o veículo de um dos atletas do Mais Querido

Bolavip

Atacante detalhou a situação em entrevista - Foto: Alexandre Vidal/CRF.

Atacante detalhou a situação em entrevista - Foto: Alexandre Vidal/CRF.

Um protesto foi realizado na reapresentação do elenco do Flamengo durante a última terça-feira (12), no Ninho do Urubu. Quebrando o protocolo contra a Covid-19, cerca de 70 pessoas, membros de diferentes torcidas organizadas, se reuniram na entrada do centro de treinamento para se manifestar contra o atual momento da equipe, aos gritos de "Time sem vergonha" e "Acabou o amor, isso aqui vai virar um inferno".

 

 

Diante desse cenário, um forte policiamento foi reforçado no local. A cada carro que chegava no Ninho, os torcedores tentavam cercar o automóvel e buscavam contato com atletas. Alguns manifestantes chegaram a jogar ovos nos vidros dos veículos.

 

 

Essa situação ocorreu em decorrência de o Flamengo ficar três jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro, caindo para o quarto lugar, com 49 pontos. Após a derrota para o Ceará no Maracanã, a diretoria se reuniu na Gávea, mas decidiu manter o técnico Rogério Ceni no comando.

 

Atacante deu entrevista coletiva - Foto: Alexandre Vidal/CRF.
Atacante deu entrevista coletiva - Foto: Alexandre Vidal/CRF.

 

Buscando uma melhora dentro de campo, o elenco do Flamengo volta foca na preparação para enfrentar o Goiás, na próxima segunda-feira (18), em Goiânia. A delegação viaja no domingo e fica fora do Rio de Janeiro por uma semana: depois, encara o Palmeiras em Brasília e o Athletico-PR em Curitiba. Diante da situação ocorrida envolvendo os torcedores, em entrevista coletiva, Gabigol demonstrou não ter gostado da situação, além de revelar "acidente" com um dos jogadores.

 

 

"Se me perguntarem se eu acho certo? Não, não acho certo. Mas eles vieram aqui. Não foi algo tão pacífico. Fiquei sabendo que amassaram um carro de um jogador aí", revelou o atacante, que vem sendo reserva de Pedro por opção de Ceni.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.