A Seleção Brasileira tem tudo para se classificar em 1º lugar do Grupo G. Com 100% de aproveitamento até aqui, após vitórias para cima de Sérvia e Suíça, respectivamente, o time comandado pelo técnico Tite se prepara para encarar Camarões. A partida está prevista para acontecer na tarde de sexta-feira (2), às 16h (horário de Brasília), no Estádio Lusail. 

Pedro e Everton Ribeiro são os dois representantes do Flamengo na Seleção; Weverton, do Palmeiras, completa o trio de jogadores que foram à Copa do Mundo após boas campanhas no futebol brasileiro. O lateral-esquerdo Filipe Luís, que estava de sobreaviso até 24 horas antes da 1ª rodada, comentou um caso específico. 

Como comentarista do SporTV neste período de Copa, o lateral abriu o jogo sobre o que pensa de Pedro no banco de reservas do Brasil. Filipe não ficou em cima do muro e concorda que o centroavante tem recursos que não são encontrados em nenhum outro ‘camisa 9’ convocado por Adenor Bachi; Gabriel Jesus e Richarlison brigam ao lado do ex-Fiorentina pela vaga no ataque. 

“Pedro tem uma característica que não tem nenhum outro desses atacantes que estão na Seleção. É um cara de área, que segura os zagueiros. Ele tem muita presença no jogo aéreo. Ele tem muita calma na frente do gol, coisa que o Romário tinha”, comentou F. Luís ao analisar como o artilheiro poderia ajudar nesta fase de grupos. 

A tendência é que a Seleção Brasileira use o duelo de sexta como uma boa chance de fazer alguns testes. Grande parte da Nação Flamenguista espera que Pedro e E. Ribeiro receba chances de estrearem na Copa do Mundo. Hoje, há possibilidade do adversário nas oitavas de final do torneio organizado pela FIFA ser a Gana, mas o Uruguai ainda tem chance de ser o primeiro rival canarinho no mata-mata.