O Flamengo fez uma movimentação no mercado e surpreendeu com o acerto para a chegada do técnico Vítor Pereira, para assumir a lacuna deixada pelo técnico Dorival Júnior. Entretanto, informações sobre a postura do treinador em seu ex-clube, o Corinthians, ligaram um alerta para a direção Rubro-Negra.

Nos bastidores do clube paulista, Vítor Pereira era visto como muito duro com os atletas: “Os jogadores realmente não gostavam muito dele, mas isso é normal. Era outra forma de trabalho, sem paternalismo, sem conversa.”, revelou uma fonte de dentro do Corinthians. O fato chamou atenção e o jornalista Vêne Casagrande abordou qual será a postura do Mengão quanto ao perfil do técnico português.

“A relação dele (Vítor Pereira) com os jogadores é o famoso ama ou odeia. Tive a oportunidade de participar no Arena SBT e um dos questionamentos que me fizeram foi como eu achava que iria ser a relação. Na audiência qualificada estava o Marcos Braz. Quando eu estava falando sobre a relação e que isso me preocupava, mas eu confiava nos bastidores do Flamengo, o Marcos Braz me mandou mensagem dizendo o seguinte: ‘Vou ajudar no vestiário, pode ficar tranquilo’.“, declarou Venê em seu canal no Youtube.

Vêne, credita grande força no poder de Marcos Braz junto ao elenco e conclui: “Braz sabe muito bem da dificuldade que tem pela frente, mas arrisco a dizer que MB é o melhor vice-presidente da história do Flamengo. Basta ver a quantidade de títulos conquistados, a forma como conhece os bastidores do Flamengo e será peça fundamental no elo entre Vítor Pereira e o Flamengo”.