2023 entrou para a história do pior jeito

Após flertar várias vezes com a zona do rebaixamento no Campeonato Brasileiro, o Santos caiu pela primeira vez em sua história no torneio de pontos corridos. Fazendo com que 2023 entrasse para a história de um jeito negativo.

Jogadores do Santos lamentando rebaixamento – Foto: Abner Dourado/AGIF
© Abner Dourado/AGIFJogadores do Santos lamentando rebaixamento – Foto: Abner Dourado/AGIF

O rebaixamento não impacta só na péssima temporada em 2023, e sim no ano de 2024, onde o Clube, que não passa por bons momentos financeiros, vê a receita diminuir drasticamente.

A quota das transmissões da Série A não vai existir, assim como a participação na Copa do Brasil, torneio de mata-mata que dá um retorno financeiro para os Clubes mesmo nas fases iniciais.

Mais uma vez o Santos entrou para a história de um jeito negativo. Ele é o primeiro gigante do Brasil a sofrer com o novo regulamento da Copa do Brasil ao ficar de fora da competição.

Ano para esquecer

Para se classificar na Copa do Brasil, a CBF excluiu como parâmetro o Ranking Nacional de Clubes (RNC), cujo o Santos é 12º colocado, e o substituiu pelos torneios estaduais. 80 das 92 vagas da competição são alcançadas por meio das competições locais.

Como foi mal no Paulistão desse ano, parando na fase de grupos, o Santos tinha que tentar se classificar pelo Brasileirão, mas na décima sétima colocação, não conseguiu.

Em 2024, a equipe tem somente 50 jogos confirmados: 38 da Série B e 12 do Paulistão. Esse número pode chegar no máximo, se a equipe avançar para as finais do estadual.

O que os torcedores dizem: