Segundo dados divulgados pela CBF, o Santos tem um prejuízo de R$ 1 milhão em jogos realizados na Vila Belmiro no Campeonato Brasileiro 2021. As partidas, até então, estavam sendo sem público. A torcida só retornou ao estádio no fim de semana, no duelo contra o Grêmio. 

E após resultados ruins, foi com a ajuda da torcida na Vila que o Santos conquistou a vitória por 1 x 0 contra a equipe gaúcha. Porém, mesmo com a presença do público, os números não deixaram de dar prejuízo para o Peixe. 

O saldo foi negativo, com cerca de R$ 70.777,15 de prejuízo. Os ingressos vendidos foram 4.644 o que renderam ao clube cerca de  R$ 59.610,00, porém, a diretoria santista teve que gastar o equivalente a R$ 114.982,85 em despesas para realizar a partida no estádio. 

As maiores despesas para realizar um jogo na Vila são com segurança, ambulância, geradores e com a equipe de arbitragem. A diretoria espera poder recuperar, aos poucos, os valores que foram gastos até aqui com as partidas sem público no estádio. 

O público permitido pelo Governo do Estado de São Paulo para entrar nos jogos é de 30%, já do dia 15 a 30 de outubro, 50% da capacidade será permitida, e em novembro 100% do estádio já poderá ser usado pelas torcidas paulistas.