Na noite desta terça-feira (21) o Brasil fez a quinta mesa final na WSOP que está sendo disputada nos Cassinos Ballys & Paris, em Las Vegas. A representatividade do esquadrão verde e amarelo na chamada Copa do Mundo de poker está sendo grande. Murilo FiqueiredoYuri Martins e João Simão já alcançaram um quarto lugar cada, Pedro Bromfman levou o 18º bracelete da história do país, agora quem fez bonito na série foi o alagoano Alen Fillipi.

Disputando a principal competição de poker do mundo pela primeira vez, ele atingiu a mesa final do cobiçado Evento #37 (US$ 1.500 Millionaire Maker), que promete pagar mais de US$ 1 milhão para o grande campeão. Apesar de ter chegado ao dia 4 como chip leader, o brasileiro logo sofreu um grande revés e atingiu a mesa final short stack. Ele soube pilotar a pequena quantidade de fichas para terminar na sétima posição e receber US$ 178.815.

 

Alen Fillipi é acostumado com grandes decisões em torneios no âmbito nacional. Agora, de acordo com o The Hendon Mob, ele está perto da marca de US$ 400 mil em premiações no circuito presencial. A queda do brasileiro no torneio foi protagonizada em um duelo contra o americano Tyler Gaston, chip leader disparado do torneio naquele momento.

Com os blinds em 600.000/1.2000 o brasileiro colocou uma pilha de 5.100.000 fichas no centro da mesa indo de all in em early position. No big bling, o americano pagou a aposta e apresentou Q6, enquanto Fillipo tinha JT. O board correu com Q82KJ terminando a incrível jornada do nosso craque tupiniquim.