arrow_drop_down
search
Vettel garante que Aston Martin disputará com Mercedes na pista; equipes são parceiras técnicas

Notícias Fórmula 1

Vettel garante que Aston Martin disputará com Mercedes na pista; equipes são parceiras técnicas

Aston Martin (ex-Tacing Ponit) e Mercedes seguem com a parceira técnica para a temporada de 2021 da Fórmula 1 

Bolavip

Vettel garante que Aston Martin disputará com Mercedes na pista; equipes são parceiras técnicas

Vettel garante que Aston Martin disputará com Mercedes na pista; equipes são parceiras técnicas

Na temporada passada, Mercedes e a Racing Point foram parceiras técnicas na Fórmula 1. A equipe alemã forneceu itens importantes para montar os carros como motor, câmbio e suspensão. A parceria segue em 2021, porém, com a mudança de nome da Racing Ponit para Aston Marton. Os pilotos Sebastian Vettel e Lance Stroll formam a dupla que brigará pelo título nesta temporada. 

O tetracampeão mundial, Sebastian Vettel, garante que apesar das equipes serem parceiras ténicas, as disputas na pista estão permitidas. "Eu não estou preocupado com isso. Acho que seus medos são antiquados. O mundo seguiu em frente [...]  Com alguém como a Mercedes, acho que podemos confiar que você receberá um tratamento justo e, se for mais rápido, poderá vencê-los."

Vettel está na Fórmula 1 há bastante tempo, e já disputou 14 temporadas. Um fato curioso é que até ir para a Aston Martin, não tinha pilotado um carro com motor Mercedes. O piloto está empolgado com a nova equipe, e garante que não terá medo de ir para cima e enfrentar de igual para igual os carros de Lewis Hamilton e Valtteri Bottas, companheiros que formam a dupla da escuderia alemã. 

"Acho que se estivermos muito perto da Mercedes, será uma conquista muito boa, então essa será a última coisa com que me preocuparei. A unidade da Mercedes é supostamente a mais forte do grid e será minha primeira vez com a Mercedes na Fórmula 1. Nós obviamente não somos responsáveis pelo motor e seu desenvolvimento e podemos nos beneficiar de parceiros tão fortes, então nós podemos seguir com o carro e só se preocupar com isso. Temos muito o que fazer nessa frente."

O alemão tem 33 anos e soma 53 vitórias, e tem o posto de ser o terceiro maior vencedor da história da Fórmula 1. Ele está atrás de Lewis Hamilton (95) e Michael Schumacher (91). A última vez que venceu uma corrida foi no GP de Singapura de 2019, quando ainda estava na Ferrari.

Temas:

  • Fórmula 1
  • F1

Leia também


Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.