Na última quarta-feira (9), Palmeiras e América-MG se enfrentara pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Verdão venceu o Coelho por 2 a 1. O Clube paulista já tem o título da competição nas mãos, a vitória não muda e nada na campanha da equipe, já pelo lado do time mineiro, a derrota dificultou na busca pela classificação para a pré-Libertadores.

 

 

Após a partida, Vagner Mancini comentou sobre o jogo, exaltou o desempenho da equipe e fez críticas à arbitragem de Savio Pereira Sampaio, dizendo que ele foi rigoroso no pênalti cometido por Alê, querendo compensar a falta que deu origem ao gol do Coelho. Ainda no primeiro tempo, quando o América-MG vencia o Palmeiras, Marcos Rocha foi para a linha de fundo e foi derrubado por Alê dentro da área, o VAR revisou o lance e confirmou o penal, para o treinador o toque não foi o sufuciente para derrubar o jogador palmeirense, que se atirou em campo.

 

 

"Olhei o lance no vestiário pelo celular e dá pra gente ver que é uma briga pelo espaço. Dá pra ver que há o contato, mas não o suficiente para que Marcos Rocha caia. Na minha opinião, o árbitro foi extremamente rigoroso. O Alê não pisa o suficiente para que o Marcos Rocha dobrasse o joelho da forma como ele dobrou. Não é fácil jogar contra o Palmeiras aqui e ser protagonista durante os 90 minutos. vai haver um momento em que você vai sofrer. Só que o sofrimento estava controlado. Acho que o América fez um grande jogo, sofreu como todas as equipes sofrem aqui, afinal enfrentamos o campeão brasileiro. O mais justo seria empate diante do que foi o jogo" disse o treinador

 

 

O objetivo do Clube é a disputa da Libertadores em 2023, porém na última rodada tem que vencer o Atlético-GO e torcer para um tropeço dos adversários, atualmente o Coelho está na 7ª colocação com 52 pontos, ao todo 7 equipes disputam duas vagas no torneio continental. América-MG e Atlético-GO se enfrentam no domingo (13),  às 16h, na Arena Independência.