Campeão da Série B e de volta à elite do futebol nacional, o Cruzeiro alcançou um dos primeiros objetivos do clube sob a gestão de Ronaldo. Com isso, a torcida cria a expectativa sobre a equipe para 2023, principalmente com melhores condições financeiras. Os bastidores, com isso, seguem movimentados com os possíveis reforços que são sondados para chegar à equipe celeste.

Com a chegada à Série A, as finanças do Cruzeiro voltam a ser assunto, principalmente pelos problemas nessa área que “ajudaram" a equipe a ser rebaixada em 2019. Com isso, a direção também voltou sua atenção para um mercado de maior austeridade financeira e “sem loucuras”. Entretanto, um “quase" virou assunto recentemente.

Isso porque o lateral-direito Rafinha, que atualmente defende o São Paulo, revelou que quase fechou com o Cruzeiro antes de voltar ao Brasil. Em entrevista ao podcast 'Flow Sport Club', no YouTube, o experiente defensor, que fechou com o Flamengo em 2019 depois de oito anos no Bayern de Munique, da Alemanha, disse que foi sondado por três clubes antes.

“Em 2013, tive uma conversa bem próxima com o Corinthians. Depois, em 2019, tive uma conversa com Palmeiras. E com o Cruzeiro, em 2017, estive muito próximo do Cruzeiro. Tinha vontade de fazer minha carreira no Brasil, só joguei um ano no Coritiba. Pedi para voltar. Também tinha uma proposta, em dezembro de 2018, de mais dois anos de contrato [com o Bayern]. Mas tinha muito tempo fora do Brasil, longe da família”, revelou.