O Vasco da Gama está a sete pontos do líder Cruzeiro, que soma 46 pontos no Campeonato Brasileiro Série B. Três nomes passaram pelo comando técnico do Cruz-Maltino durante a competição organizada pela CBF. Além do interino Emilio Faro, Zé Ricardo e Maurício Souza também estiveram à beira do campo. 

Zé escolheu deixar o Clube, enquanto Mauricinho acabou sendo demitido diante dos resultados negativos que vinha tendo - a aposta não deu certo. Diante da falta de comando, a diretoria do Gigante da Colina começou a analisar nomes no mercado da bola. No final desta semana, uma atualização tomou conta dos bastidores. 

André Jardine, Fábio Carille, Renato Gaúcho, Odair Hellmann, dentre outros, são analisados. Porém, quem aceitou e parece querer treinar o Vasco é Marcelo Bielsa. O “Atenção, Vascaínos” trouxe que o argentino de 67 anos está sendo oferecido ao Gigante e a decisão da diretoria sobre contratá-lo veio à tona. 

Neste momento, a direção do Clube mantém cautela e não vai avançar por Bielsa, tampouco optou por abrir negociações com o comandante. A torcida se dividiu quanto a chegada do hermano, que está desde fevereiro sem time. Seu último trabalho aconteceu no Leeds United, onde estava desde junho de 2018. Por lá, foram 81 vitórias e 30 empates em 170 partidas disputadas. 

Depois de surgir no Newell’s Old Boys, Marcelo também passou por equipes como Atlas, América do México, Vélez Sarsfield, Espanyol, Athletic Bilbao, Olympique Marseille, Lazio e Lille, sem contar a equipe que passou Raphinha e as seleções da Argentina e do Chile.  A sinalização dele é positiva para comandar o Almirante.