O ex-jogador de futebol, Luis Figo comentou assim a saída do técnico Solskjaer do Manchester United e o papel de Cristiano Ronaldo nos ‘Red Devils’, um dia depois de o atacante português ter voltado a marcar na Champions League, na vitória do time inglês, contra o Villarreal por 2 a 0, na Inglaterra, ainda pela fase de grupos da maior competição internacional de clubes.

“Cristiano é o melhor, isso são tontices. Para o Solskjaer faltaram os resultados e não teve o rendimento que era desejado (…). Até ao momento, Cristiano está a ser um dos melhores, no rendimento e em gols”, considerou Figo, durante uma cerimônia em Madrid.

 

Figo, atual conselheiro do futebol na UEFA, abordou vários assuntos, entre os quais também o fracasso da Superliga Europeia, referindo que o projeto “está morto” e que “é normal que o mundo do futebol seja contra essa competição”.

“A Superliga está morta, penso que querem tirar o defunto do caixão. A Liga dos Campeões é um modelo criado há 70 anos e que, logicamente, terá de ir evoluindo juntamente com a sociedade e o futebol. O que estranho é os clubes que aprovaram o novo formato da Liga dos Campeões venham por detrás a fazer uma nova competição”, criticou o antigo jogador.

Na Espanha, Luis Figo jogou no Barcelona e no Real Madrid. O ex-atacante comentou da última terça-feira no Camp Nou, em que o Barça empatou sem gols com o Benfica, com as águias desperdiçando nos instantes finais a vitória, em um lance do suíço Seferovic, e a chegada de Xavi aos catalães.

“Acaba de chegar. Vi ontem terça-feira o jogo e creio que o Barcelona jogou muito bem, pelo menos bom futebol. Mas creio que faltam jogadores na frente, que possam fazer a diferença. Temos de esperar, existe muita expectativa com a sua chegada e veremos até onde conseguem ir”, analisou.