De olho no decorrer da temporada, o São Paulo anunciou Rafinha, Jandrei e Alisson; Patrick pode ser o próximo. Além do quarteto, outros nomes são esperados, mas por enquanto algumas conversas estão sendo encerradas, enquanto outras prolongadas. Nos bastidores, Douglas Costa parece estar mais distante de uma assinatura, mas ainda há bastante otimismo por Yeferson Soteldo. Recentemente, até Alexandre Pato foi ventilado. 

Dentre as especulações, logicamente existem as de maior aprovação dos torcedores, além das indicações que o técnico Rogério Ceni possa fazer à diretoria tricolor. O elenco atual está convivendo com despedidas, como a de Liziero para o Internacional, mas em lacunas que já não são corretamente preenchidas há algum tempo, o que acaba atrapalhando na hora de engrenar uma sequência positiva. 

 

Conforme publicado pelo colega Wagner Oliveira, no Fanáticos, Pato “deseja retornar ao Brasil e está fazendo de tudo para jogar com as cores do São Paulo”. Inclusive, o medalhão ex-Orlando City teria aceitado receber um salário simbólico bem abaixo das quantias milionárias que já desembolsou em outros momentos da carreira. 

 

 

“Está disposto a receber até um salário simbólico de R$ 5 mil mensais para retornar ao tricolor do Morumbi”, repercutiu a publicação feita no final desta semana. O site acrescenta que, no futebol brasileiro, “há mais clubes de olho no futebol do jogador, mas sem negociações avançadas devido a vontade de Pato” em desembarcar no Morumbi. 

Alexandre Pato e São Paulo é uma novela antiga. Tudo começou em fevereiro de 2014, quando houve a troca entre o cria do Inter e Jadson, que acabou indo para o Corinthians naquela ocasião. Entre março de 2019 e agosto de 2020, houve o segundo capítulo desta trama, onde o atleta marcou nove gols e deu duas assistências em 35 jogos disputados. No total, são 133 partidas e 47 bolas na rede com a camisa do Soberano.