Philippe Coutinho sabe o que é melhor para sua carreira em 2022. No mês passado, o meia-atacante de 29 anos teria se recusado a entrar em campo contra o Celta; o duelo terminou em 3 a 3. Por outro lado, houveram periódicos culés que reiteraram a preferência do interino Sergi em substituir Ansu por Balde.  

A situação aumentou expressivamente os rumores envolvendo uma possível saída do camisa 14. No Barcelona desde janeiro de 2018, com passagem por empréstimo no Bayern de Munique entre 2019 e 2020, o meia está avaliado em 20 milhões de euros (algo em torno de R$ 127,3 milhões na cotação atual), segundo projeções feitas pelo site Transfermarkt

Com contrato até junho de 2023, o ex-Liverpool foi pauta no Mundo Desportivo. O jornal foi contra o que dizem a maioria dos veículos de mídia da Espanha e afirmou que o brasileiro quer seguir vestindo Azul e Grená: “Não está em seus planos deixar a equipe neste momento”, expôs o diário. 

Há especulações que o Barça pode usar Philippe como moeda de troca na próxima janela de transferências. Segundo o Sport, o clube catalão enviou dirigentes à Inglaterra. Na viagem, os cartolas ofereceram aos rivais Manchester United e Manchester City o atleta como solução para baixar o preço de Sterling ou Ferran Torres, no Etihad, e de Martial ou Cavani, no Old Trafford. 

Além da confirmação do ‘fico’ de Philippe Coutinho, e dos comentários envolvendo Citizens e Red Devils, existe um interesse do Newcastle em contratar o jogador. Na Catalunha, o mesmo portal que diz dos cartolas em tour na Terra da rainha, expõe que, em janeiro, a meta dos blaugranas é oferecer o medalhão aos sheiks árabes. Este seria o primeiro grande reforço da era Bin Salman.