Antonio ‘El Turco’ Mohamed desembarcou no Atlético-MG em janeiro de 2022, após apresentar um portfólio em PDF no momento em que o Clube procurava alguém para substituir Cuca no comando técnico. Em 38 jogos à frente do Alvinegro, o argentino de 52 anos tem 25 vitórias, nove empates e quatro derrotas.

Com 73,6% de aproveitamento no Galo, ‘El Turco’ já sofreu contestações por parte da Massa Atleticana. Nesta onda, até uma hipotética volta de Cuca chegou a ser ventilada nas redes sociais, mas rapidamente a possibilidade foi rechaçada. Renato Gaúcho e Carlos Carvalhal foram outros nomes mencionados na web. 

Durante o programa “Arena SBT”, televisionado semanalmente e apresentado pelo jornalista Benjamin Back, o ex-jogador e atual comentarista, Cicinho, meteu a colher no trabalho de Mohamed no Atlético. Para o comunicador, Fernando Diniz, do Fluminense, está acima do hermano. Abel Ferreira e Vítor Pereira são quase unanimidade. 

“(Fernando Diniz) É melhor que o Mohamed. Até porque esses dois (Luis Castro e Fabian Bustos) dispensam comentários. Para mim não agrada, precisam comer muito arroz e feijão. Vítor Pereira e Abel (Ferreira) ainda estão acima, têm uma carreira melhor. Mas o Diniz é muito melhor que o Mohamed, é um dos principais treinadores e vai surpreender ainda no Brasil”, disse. 

No Tricolor das Laranjeiras, Diniz soma, desde abril deste ano, 15 partidas, sendo nove vitórias, três empates e três derrotas; o aproveitamento é na casa dos 66%. Recentemente, o Fluzão venceu o Atlético-MG, por 5 a 3, e também bateu o Cruzeiro, na Copa do Brasil. Frente ao Coelho, no Brasileirão Série A, os cariocas empataram em 0 a 0.