arrow_drop_down
search
Cruzeiro corre pagar R$ 26 milhões de dívidas por Willian e outras compras

Futebol Cruzeiro

Cruzeiro luta contra o relógio por pagamento de dívida milionária; Raposa pode penar na Série B e Willian é um dos "culpados"

Novo presidente a ser escolhido no mês do maio terá um grande desafio junto à Fifa logo no início do mandato

Bolavip

Cruzeiro corre pagar R$ 26 milhões de dívidas por Willian e outras compras

Cruzeiro corre pagar R$ 26 milhões de dívidas por Willian e outras compras

A situação do Cruzeiro, como já se sabe, não é nada fácil. Ao invés de buscar a reconstrução dentro de campo desde o início da temporada de 2020, a Raposa acabou apenas perdendo tempo com o técnico Adilson Batista, que não conseguiu fazer com que o time evoluísse e foi demitido do cargo.

Durante a pandemia, que forçou a paralisação dos campeonatos no Brasil, o Cruzeiro buscou o técnico Enderson Moreira, mas ainda não sabe quando voltará a atuar pelo Campeonato Mineiro e pela Série B, principal objetivo da Raposa na temporada. No âmbito financeiro, mais uma notícia preocupa os torcedores.

Segundo o site do Jornal Hoje em Dia, o clube mineiro tem até o dia 31 de maio para quitar os R$ 26 milhões junto a FIFA por conta do não pagamento das negociações envolvendo os jogadores Willian, Denílson e Caicedo. A conta deverá cair no colo do próximo presidente, a ser escolhido no dia 21.

“Se a gente fosse ficar até o final do ano, controlando as finanças, a gente não teria receio. Na janela europeia, ou até no final do ano, vendia um ou dois jogadores e pagava o valor. Mas fica complicado colocar o nome, ou nosso dinheiro, em algo que outro vai pagar, disse um integrante do Núcleo Dirigente Transitório do clube, que considera a situação muito difícil de ser resolvida.

Caso o Cruzeiro não consiga pagar o montante à FIFA (que não deverá aceitar um parcelamento da dívida), a Raposa perderá pontos no Brasileirão da Série B, que sequer tem data para iniciar. Apenas o atacante Willian corresponde a praticamente metade da dívida de R$ 26 milhões.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.