Gilmar Dal Pozzo começou a implementar mudanças nos titulares da Chapecoense pouco tempo depois de sua chegada. A mais evidente foi Franzan, zagueiro de 26 anos que passou a ganhar espaço na equipe principal, no lugar de Léo, que até então, além de titular absoluto, era também capitão do time em campo.

Frazan não deixa de agradecer a oportunidade. "Vinha preparado, treinando bastante. A responsabilidade é muito grande, o Léo é um jogador multicampeão. Eu sempre respeitei ele, de todas as formas. Mas agora, chegou a minha vez, eu tô preparado e vou dar meu melhor sempre", disse o defensor. 

O comandante do Verdão do Oeste deve efetuar mudanças na equipe que enfrenta o CSA, já que Marcelo Freitas e Pablo Oliveira estão suspensos. Frazan, contudo, deve seguir como titular. Nos oito jogos que participou até o momento, o zagueiro soma três vitórias, todas na Arena Condá. 

Os triunfos foram conquistados com treinadores diferentes, Gilson Kleina, Marcelo Cabo e Gilmar Dal Pozzo, nos duelos contra Sampaio Corrêa, Brusque e Ponte Preta. "Importante, dá mais confiança ainda. Acho que sou o amuleto da sorte. Pode ser assim? (risos). Vou trabalhar para continuar assim", finalizou.