Em seu perfil oficial no Twitter, o Coritiba parabenizou seu goleiro titular, Gabriel, por um feito alcançado no Campeonato Brasileiro. A publicação dizia que ele é o único que tem 100% de aproveitamento em defesas de pênalti. O coritibano defendeu duas penalidades nas duas vezes que foi exigido. O post ainda diz que ele realizou 13 jogos, fez 46 defesas e que tem 100% de aproveitamento em saídas de bola.  

 

 

Acontece que a intenção da publicação acabou indo para outra direção. Isso porque alguns torcedores do Coxa-Branca acabaram não perdoando os zagueiros da equipe. Segundo eles, se tivesse uma zaga melhor, Gabriel não seria tão exigido: “Por que será que o goleiro sofreu tantos arremates? Ah sim, porque a zaga é uma peneira. Parece claro o problema? Menos para quem trabalha no clube. Amadores!” ironizou um torcedor.

 

 

Um dos maiores alvos da torcida foi Henrique. O zagueiro que teve o contrato renovado nesta semana, não foi perdoado por alguns torcedores: “Mostra as estatísticas do Henrique pra gente ver. Um dos piores zagueiros do Campeonato com contrato renovado para 2023”, ironizou um torcedor. Outro, resolveu usar a ironia para responder o Coritiba: “Faz o Scout do Henrique pra ver um negócio”, afirmou.

 

 

Mesmo sem ser rebaixado, o Verdão Paranaense teve a segunda pior defesa do Brasileirão (junto com o Avaí), com 60 gols sofridos. Apenas o Juventude, com 69, está à frente. No final do Campeonato Brasileiro, o venezuelano Chancellor e Luciano Castán formaram o miolo de zaga do Coritiba. O primeiro, entretanto, foi poupado: “Chancellor com um zagueiro rápido será um dos craques de 2023”, finalizou. 

 

 

 

Confira alguns dos comentários no Twitter (SIC):

"Poderiam facilitar um pouco a vida dele no ano que vem, contratando dois novos zagueiros titulares, né?"

"Agora parem de palhaçada com Castán, Henrique e Chancellor e deem ao Gabriel zagueiros que PRESTEM!"

"Imagina se jogasse com uma dupla de zaga de verdade e não duas múmias caindo aos pedaços"

"O cara é tão bom que nem precisa de novos zagueiros, né? Os que tão aí tá ótimo..."