A vitória por 2 a 0 diante do Sporting Cristal, em Lima, pela estreia na fase de grupos da Libertadores não foi o suficiente para amenizar a crise instalada no Flamengo. O técnico Paulo Sousa convive com a pressão interna e o distanciamento com vários medalhões. O mau momento é tamanho que Marcos Braz, vice de futebol do Mengão, agendou reunião com integrantes de torcidas organizadas do clube para esta quinta-feira (07). 

A reunião com torcedores rubro-negros surpreendeu vários jogadores do elenco de Paulo Sousa. Por exemplo, Éverton Ribeiro não aprovou a iniciativa, estranhando a atitude por parte do dirigente do Flamengo. Em entrevista à Jovem Pan, Braz garantiu que os atletas foram consultados sobre o encontro, ainda sem local definido.

"Você acha que eu seria idiota, burro ao extremo, com 50 de anos de futebol, de marcar uma reunião com Organizadas sem o conhecimento dos jogadores? Pode me chamar de tudo, até de gordo, mas não me chama de burro porque não sou", afirmou Braz. 

A colega Isabelle Costa, repórter que cobre o Mengão na S1 LIVE, informou que Braz convenceu jogadores a participarem da reunião com os rubro-negros. "Diego Ribas foi o escolhido pela diretoria do Flamengo para conversar com as lideranças do elenco sobre a reunião com os representantes das torcidas organizadas. O camisa 10 foi comunicado sobre o encontro marcado pelo vice de futebol, Marcos Braz", completa a setorista. 

Além do camisa 10, outros jogadores vão representar lideranças do elenco no encontro confirmado para esta quinta. "Por enquanto, David Luiz, Gabriel Barbosa e Diego Ribas serão os jogadores presentes neste encontro com as organizadas", adiciona Isabelle Costa em sua conta pessoal no Twitter.