Neto conhece os bastidores do Corinthians. Ex-jogador e atualmente apresentador da TV Band, o canhoto abriu o jogo em sua volta de férias e expôs algumas coisas que vem acontecendo no mercado da bola, principalmente se o assunto for Parque São Jorge. O comunicador cravou que um possível substituto para Sylvinho foi oferecido. 

No Timão desde maio de 2021, Sylvinho tem 40 jogos à frente da equipe de Itaquera. Com 15 vitórias, 13 empates e 12 derrotas, o aproveitamento do treinador sob o comando do time alvinegro é de 48,3%. Mesmo abaixo do que vislumbra grande parte da Fiel Torcida, o comandante foi o responsável por acertar o elenco na campanha de classificação à Conmebol Libertadores. 

Se uma mudança no comando técnico fosse acontecer, um nome surge como disparado: o de Jorge Jesus, ex-Benfica e Flamengo. Neto revelou que o empresário chegou a falar com o presidente Duílio Monteiro Alves: “O Jorge Jesus conversou com o Corinthians. Ele queria dirigir o Corinthians. O empresário falou com o Duílio (presidente), mas pela situação financeira do clube não seria interessante”, disse. 

“(Jorge Jesus) Queria 200 jogadores, queria trazer oito na comissão… Falei com o Duílio hoje. Teve conversa com agentes, mas ele achou melhor não continuar”, acrescentou o apresentador, que aproveitou para parabenizar a diretoria do Alvinegro Paulista em recuar na contratação de Diego Costa, livre no mercado após rescindir com o Atlético-MG. 

Sobre o ex-Galo, o Craque Neto foi direto e reto, alegando que um clube como o Corinthians não pode ficar a mercê de um atleta que nem está em uma de suas melhores fases: “Você está pensando que é quem? Diego Costa faz 15 gols em quatro anos e quer deixar o Corinthians à mercê dele? Esperando ele?”, completou.