O Corinthians entrou forte no mercado de transferências nas últimas janelas e realizou várias contratações, justamente com o intuito de alçar voos mais altos do que nas últimas temporadas. A equipe comandada por Vítor Pereira conta com um elenco de qualidade, mas que ainda busca afirmação após alguns resultados abaixo do esperado.

 

 

Após ter perdido por 3 a 0 contra o Palmeiras, iniciando com um time misto (escolha criticada pelos torcedores), a pressão aumentou nos bastidores, especialmente por saber que teria uma "pedreira" pela frente na Copa Libertadores da América: o Boca Juniors, da Argentina, na Neo Química Arena, pela 3ª rodada.

 

 

Porém, logo de início o futebol visto dentro de campo deixou claro que o desempenho seria bem acima do que foi visto no clássico. Com uma atuação segura, o Timão venceu por 2 a 0 e está liderando provisoriamente seu grupo, aguardando o resultado entre os demais clubes. Nos 90 minutos, Maycon fez 2 gols e liderou o meio-campo, mostrando que seu retorno será de extrema importância nessa temporada.

 

 

O volante, no entanto, está emprestado junto ao Shakhtar Donetsk até o final dessa temporada, mas sabe que propostas interessantes do futebol europeu podem chegar em julho de 2022. Sobre deixar o Alvinegro, durante participação no programa "Seleção SporTV", desta quarta-feira (27), o brasileiro deixou seu futuro em aberto:

 

 

"Não sei se vou embora nesta janela ou na outra, meu foco é o Corinthians", ressaltou o camisa 5, que fez questão de exaltar alguns jogadores corinthianos: "Sou suspeito para falar de Renato Augusto e Paulinho, que eu sempre acompanhei no Corinthians e hoje são referência para mim. Dispenso comentários para eles, pela história e pelo que já fizeram no Corinthians", disse Maycon.