A briga que aconteceu na Copa Libertadores de 2017 entre jogadores do Peñarol com Felipe Melo veio à tona. Classificado para a final da competição sul-americana, o jogador terá que retornar ao país onde chegou a ser intimado a depor depois da briga, mas nunca retornou ao Uruguai. 

Agora o departamento jurídico do Palmeiras trabalha com um advogado do Uruguai por conta deste episódio, para o jogador não ter problemas de enfrentar o Flamengo na final da Libertadores, no dia 27 de novembro, em Montevidéu. 

Após a briga naquela época, Felipe Melo retornou ao Brasil, porém ele foi intimado a prestar depoimentos pela promotoria pública de Montevidéu. O Ministério Público do Uruguai chegou a pedir a detenção do atleta para prestar depoimento. Os jogadores do Peñarol chegaram a depor. 

Capitão nos dois jogos contra o Atlético-MG, Felipe Melo é uma das peças importates de Abel Ferreira em jogos decisivos. O jogador chgeou a ser um dos destaques contra o time mineiro, e tem tudo para começar a final contra o Flamengo.