arrow_drop_down
search
Luxemburgo admite rebaixamento do Vasco e pede desculpas aos torcedores

Notícias Campeonato Brasileiro

Luxemburgo admite rebaixamento do Vasco e pede desculpas aos torcedores

Vasco ficou apenas no empate com o Corinthians na tarde deste domingo e se aproximou ainda mais do quarto rebaixamento em sua história

Bolavip

Luxemburgo admite rebaixamento do Vasco e pede desculpas aos torcedores

Luxemburgo admite rebaixamento do Vasco e pede desculpas aos torcedores

Com o empate em 0 x 0 com o Corinthians, na tarde deste domingo, na Arena Neo Química, a situação do Vasco é complicadíssima para conseguir permanecer na série A do Campeonato Brasileiro de 2021. Ainda que exista uma chance matématica para o time da colina conseguir se salvar, o técnico Vanderlei Luxemburgo já admitiu o quarto rebaixamento da equipe carioca. 

Em entrevista coletiva após o jogo, o treinador elencou os fatores que fizeram a equipe alvinegra a chegar a mais um rebaixamento em sua história; falta técnica, erros de arbitragem e erros de gestões passadas foram um dos pontos que Luxemburgo ressaltou. Ele inclusive pediu desculpas para o torcedor. 

"Queria falar com o torcedor do Vasco da Gama, que tem muito respeito por mim. Lamento muito por não ter conseguindo junto com esse grupo manter o Vasco na Primeira Divisão. Peço ao torcedor que entenda que eu fiz o máximo, o maior respeito pela agremiação, pelo torcedor do Vasco da Gama... Me desculpe, torcedor. Me doei ao máximo. Da minha parte, eu peço desculpa, mas foi o geral."

Luxemburgo chegou ao Vasco para disputar 12 jogos e tentar salvas a equipe do rebaixamento. (Foto: Getty Images)
Luxemburgo chegou ao Vasco para disputar 12 jogos e tentar salvas a equipe do rebaixamento. (Foto: Getty Images)

O experiente técnico se prontificou a ficar no clube mesmo na série B. Ele afirmou que qeur ajudar a reconstruir o time: "Falaram que colocaria a carreira em risco. Não tenho essa preocupação, a minha carreira está aí. Eu estou à disposição do Vasco para uma reconstrução, a reconstrução de um gigante. Se o Vasco entender que eu posso ajudar, estou pronto. Nos últimos três anos, o Vasco beira o rebaixamento. Não tenho nenhum problema de trabalhar na Série B", finalizou. 

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.