Na tarde desta terça-feira (28), o PSG venceu o Manchester City por 2 a 0 no Parc des Princes, em partida válida pela segunda rodada do Grupo A da Champions League. Com isso, a equipe parisiense venceu a primeira partida na competição, e assumiu a liderança, com os mesmos quatro pontos do Club Brugge, mas à frente no saldo de gols.

O primeiro gol foi marcado por Gueye, aos oito minutos do primeiro tempo, aproveitando uma sobra de uma tentativa de chute de Neymar. Porém, o melhor estava por vir. Aos 28 minutos da segunda etapa, Messi partiu do lado direito, tabelou com Mbappé e chutou no canto alto esquerdo de Ederson. Foi o primeiro gol do argentino pelo clube.

Em entrevista pós-jogo, o técnico do City Pep Guardiola rasgou elogios a Messi: “Não se pode conter o Leo por 90 minutos. Ele acabou de superar uma lesão e falta um pouco de ritmo, mas quando está com a bola não é fácil impedi-lo. Desejo o melhor a Messi. Passamos um período feliz em Barcelona e se agora ele decidiu vir a Paris, desejo-lhe o melhor”.

A reunião com Neymar e Mbappé, para Guardiola, tem tudo para dar certo: “Conheço o Messi e este tipo de jogadores que quando jogam juntos são excepcionais. Sabemos que não se podem controlar durante os 90 minutos. Existem duas possibilidades, defender sempre ou tentar atacá-los”.

O Manchester City volta a campo no próximo domingo (3), pela Premier League, contra uma pedreira: a equipe enfrenta o líder Liverpool no Etihad Stadium, às 12h30 (horário de Brasília). Os Citizens vêm de uma boa vitória fora de casa sobre o Chelsea.