Com apenas até esta sexta-feira (24) para inscrever novos jogadores no Campeonato Brasileiro, o Fluminense correu contra o tempo para fechar a contratação do lateral-direito Daniel Alves, que recentemente deixou o São Paulo, e fez um acordo que prevê o pagamento da dívida nos próximos cinco anos.

No entanto, as conversas entre o Tricolor das Laranjeiras e o jogador não avançaram, e a contratação foi descartada na noite desta quinta-feira (23). A informação é do repórter Lauro Jardim, em sua coluna no jornal O Globo. Hoje, o Fluminense recebeu uma contraproposta de Daniel Alves, que não aceitou a última oferta proposta pelo clube.

Aos 38 anos, é importante para o jogador encontrar um novo clube, a fim de continuar sendo convocado pelo técnico Tite para a seleção brasileira, buscando estar presente na Copa do Mundo do Catar. O repórter Bruno Andrade, do portal UOL, informou que Daniel já recusou ofertas do exterior, e pretende continuar no Brasil.

Vale lembrar que o lateral-direito disputou apenas 6 das 21 partidas do São Paulo no Campeonato Brasileiro, estando liberado para voltar a campo por qualquer equipe no restante da competição. A proposta do Fluminense era menor do que os R$ 1,5 milhão que Daniel recebia no time paulista, mas previa bônus por metas alcançadas.

Nesta quinta-feira (23), vários torcedores “invadiram” as redes sociais do lateral-direito, pedindo que ele assinasse com o Fluminense. No entanto, a tentativa ficou no quase dessa vez, e o Tricolor das Laranjeiras não tem muito tempo para lamentar: a equipe recebe o RB Bragantino no próximo domingo (26), pelo Brasileirão.