O Flamengo se prepara para mais uma decisão de Libertadores da América. É a terceira na história do clube. Na decisão de 2021 o adversário é o Palmeiras. Ambas as equipes se enfrentam no Estádio Centenário, em Montevidéu, no Uruguai no próximo dia 27 de novembro, às 17h.

Torcedores que estiverem fora do país podem acompanhar o jogo pela beIn Sports, canal disponível gratuitamente para assinantes do pacote Fanatiz Front Row no Canadá e nos Estados Unidos. O pacote Fanatiz Front Row, aliás, terá um preço promocional durante a Black Week, que vai de 19 a 26 de novembro. Nesse período, os assinantes terão 50% de desconto no plano anual.

 

O palco da final deste ano traz boas recordações ao Mais Querido. Foi lá que o clube conquistou o primeiro título da sua história na competição. O ano foi 1981. O Flamengo se classificou para a Libertadores após ser campeão brasileiro no ano anterior. Outras 20 equipes participaram do torneio.

Depois de uma campanha com sete vitórias e quatro empates, o Mais Querido foi disputar a final contra o Cobreloa, do Chile. Na partida de ida, o Flamengo venceu por 2 a 1, com dois gols de Zico. No confronto de volta, sob muita violência do time adversário, o rubro-negro foi derrotado por 1 a 0, gol de Merello.

 

 

O regulamento previa que em caso de uma vitória para cada lado, o título seria disputado em uma partida extra. Em 23 de novembro, o Flamengo venceu por 2 a 0, de novo com dois gols de Zico, no Estádio Centenário. A partida ficou marcada pelo soco do atacante rubro-negro Anselmo no defensor Mário Soto, do Cobreloa. Durante as duas partidas da final, flamenguistas reclamaram que o zagueiro estava sendo violento, com entradas desleais.